Um ano de sucesso para os esgrimistas da Terr’Ativa!

Graças ao apoio de seus padrinhos, que são membros da Seleção Francesa de Esgrima, nossos três jovens esgrimistas puderam dobrar suas sessões de treinamento este ano, agora participando de mais de 4 horas de aulas por semana. Os resultados não demoraram para aparecer, já que Jhonatan (14 anos), Anna Beatriz (14 anos) e Isabelly (10 anos) brilharam em diversas competições ao longo do ano. É com muito orgulho que compartilhamos as suas conquistas:

Jhonatan:

– Medalha de Prata (categoria menor de 15 anos) e bronze (menor de 17 anos) no Campeonato Carioca de Esgrima 2017

– Medalha de Prata do Concurso de Jovens Talentos Rio SESC

– Medalha de prata da 2ª etapa do Circuito Carioca 2017

– Medalha de Ouro (categoria menor de 15 anos) e Bronze (menor de 17 anos) da 1ª etapa do Torneio Carioca 2017

Anna Beatriz:

– Medalha de bronze (categoria menor de 15 anos) no Campeonato Carioca de Esgrima 2017

– Medalha de Bronze da 2ª etapa do Circuito Carioca 2017

– Medalha de Ouro (categoria menor de 15 anos) do 1º Torneio Carioca 2017

Isabelly:

– Medalha de ouro (categoria menor de 12 anos) no Campeonato Carioca 2017 de Esgrima

– Medalha de Prata (categoria menor de 12 anos) da 2ª etapa do Torneio Carioca 2017

– Medalha de Bronze (categoria menor de 13 anos) da 1ª etapa do Torneio Carioca 2017

Mais motivados do que nunca para continuar progredindo e um dia poder “ganhar dos seus padrinhos” em futuras competições, como eles mesmo dizem, eles adotaram um estilo de vida saudável com uma dieta adaptada às exigências de desempenho esportivo.

Eles podem contar com o apoio inabalável da sua família (especialmente da sua mãe, a maior torcedora), dos seus treinadores, e todos os membros da sua sala de arma e da ONG.

Eles são prestes a se tornar estrelas locais, atraindo regularmente a atenção dos jornalistas com sua história extraordinária: http://www.anf.org.br/sonho-olimpico-irmaos-do-morro-do -fuba-se-destacam-na-esgrima/

Convidamos você a assistir o filme “Passion: Fencing”, dirigido por Lucas Messer, um diretor de São Paulo, que conta a história dos jovens esgrimistas através de uma linda testemunha da sua mãe, Marli: https://vimeo.com/186489490